O Herói Perdido (Heróis do Olimpo #1)

Hellou! 😀

Quase que minha semana de entrega de provas/trabalhos atrapalha a minha leitura, mas se era para atrapalhar uma das minhas paixões, só ficou no caminho dos meus dramas (tenho alguns pendentes para terminar). De qualquer modo, finalmente, essa semana tensa já passou e posso voltar a ativa em tudo. Consegui terminar a primeira série “Percy Jackson e qualquer coisa” que eu já havia lido antes, e agora, estou começando essa “Herois do Olimpo” que é como uma segunda parte, mas com novos personagens. Alguns livros dessa série tenho certeza que já li (os primeiros, por exemplo), mas estou na dúvida se cheguei a ler o último. Foi por volta dessa época que deixei de acompanhar os livros do Rick Riordan… Uma imbecilidade da minha parte.
Partiu?!

Esqueça um pouco do Percy, ele está indisponivel no momento… O primeiro livro da série “Heróis do Olimpo” trás três narradores principais: Jason, Pipper e Leo.

Após a guerra contra os Titãs, Rachel acabou recebendo sua primeira profecia, mas como a última grande demorou cerca de setenta anos para ser cumprida, eles acharam que teriam um belo de um descanso pela frente. Errados!

Jason acordou dentro de um ônibus cheio de crianças estranhas, segurando a mão de uma menina que ele não conhece e com o treinador gritando ao fundo. Ele não tem a mínima ideia de quem, mas tem a sensação que não deveria estar ali. Ao que parece, sua escola está em uma viagem de campo no Grand Canyon, a garota é sua namorada Pipper e o garoto próximo a ele, seu melhor amigo, Leo. Então, eles são atados por espíritos de vento, o treinador, na verdade tem pernas de bode e os três, descobrem o que são. E antes de tudo ir para os ares – literalmente – eles são salvos por uma garota loira de camisa laranja estressada pelo desaparecimento de seu namorado.

Na cabeça de Piper, as últimas duas semanas foram reais, o seu relacionamento com Jason era real, mas agora ela descobriu que tudo não passou de uma manipulação da Névoa. Jason nunca esteve em sua escola, eles nunca tiveram seus momentos juntos, eles nunca se beijaram no telhado, eles nunca foram namorados… E ela está, no mínimo, chateada por isso. Pra completar, além de ser meio cherokee ainda é meio-sangue, e pior – já que ela conheceu sua meia-irmã Drew – filha de Afrodite. Mas quando a oportunidade de ficar mais tempo com Jason surge – mesmo que isso signifique traí-lo no final – ela decide que não irá deixa-lo escapar.

Leo tem alguns segredos e uma porcentagem assustadora: Tia Callida, sua babá, tentou mata-lo inúmeras vezes; uma mulher de terra o visitou quando criança; sua mãe morreu por sua culpa e ele tem uma habilidade rara, que pode ser tanto sua salvação quanto destruição. O garoto é o segundo dos três amigos a ser “reclamado” pelo pai, Hefesto. Descobrir que suas lembranças com o amigo não existiram foi um golpe, mas ao menos ele tem a chance de recomeçar, ele não está disposto a perder a amizade de Jason ou de Piper.

Sete meio-sangues responderão ao chamado,

Em tempestade ou fogo, o mundo terá acabado.

Um juramento a manter com um alento final,

E inimigos com armas às Portas da Morte afinal.

Então, todo mundo descobre que a profecia de Rachel já está em andamento, Percy desapareceu e não só Annabeth, mas todos os seus amigos estão procurando por ele. Jason surge no Acampamento Meio-Sangue sem memória, falando latim e com mania de dizer os nomes romanos dos deuses. Estranho!

Os deuses fecharam o Olimpo para os meio-sangues, não há mais comunicações e Hera foi capturada, cabe – como sempre – aos meio-sangues resgatá-la. Annabeth já está em sua própria missão de encontrar Percy (e duvido que fosse resgatar a deusa mesmo se não tivesse 😂), Jason é apontado como o líder e deve escolher um filho de Hefesto e um(a) filha de Afrodite (preciso comentar quem ele escolhe?! 😆)

E assim, os três partem junto com Fergus – o dragão que Leo concertou – em busca de pistas que os levem até onde a deusa Hera/Juno (na mitologia romana) está sendo mantida presa. Claro que ao longo do caminho, eles começam a descobrir quem é o “novo” mal que ameaça destruir o Olimpo, fora as descobertas particulares de cada um.

Shhh Vai rolar Spoilers!!!

💬 Gostei da dinâmica de ser três narradores (não lembrava disso!)

💬 Não temos muito da Annabeth, já que o foco não é ela dessa vez… (ou ainda);

💬 Jason é filho de Júpiter (vulgo, Zeus), mas ele descobre que tem uma irmã mais velha quando encontra a foto dela no Chalé 1. (sim, irmã e não “meia-irmã”);

💬 Jason tem visões com Hera, onde ela sempre diz que ele é seu campeão;

💬 Uma das habilidades de Jason é voar (sentir as correntes de vento ou coisa assim), atrair raios com sua lança/espada (requer muita energia dele);

💬 Jason é humano, e sente-se inseguro por todos acharem que ele deve ser o líder por ser o filho de Júpiter/Zeus.

💬 Eu gostei do personagem… Ele me lembrou o Percy. Acho que esses dois são muito parecido, vai ser aquela, ou eles serão muito amigos ou vão ser “friendmigos“. 😂 (juro que não lembro o que rola quando eles se encontram!)

💬 Pipper é filha de ator famoso e na maioria das vezes, não gosta de trazer isso à tona;

💬 Ela tem a habilidade do “Charme”, ou seja, consegue manipular pessoas para fazer o que ela quer. Apesar que ela não gosta de usar muito esse poder;

💬 Pipper não fica muito feliz ao saber que é filha de Afrodite, mas acaba descobrindo que tem muito mais a oferecer do que pensava;

💬 Metade da atenção dela está focada em Jason, então, ela é sempre uma das primeiras a perceber quando algo está errado com ele, mas não é de confrontá-lo, prefere esperar até que ele diga;

💬 Pipper é Annabeth antes dela ser uma completa badass… Ela ainda está aprendendo a ter “sua voz”, por assim dizer. Gostei da evolução dela no livro, de uma menina que se esconde e não fala o que pensa, para alguém que deixa claro que não vai ser pisoteada por coisas insignificantes.

💬 Leo é um manipulador de fogo. Uma habilidade rara entre os filhos de Hefesto, ele consegue criar o fogo e lança-lo com as mãos;

💬 Assim como o pai, ele é habilidoso com as mãos, conserta Fergus e cria diversas bugigangas que ajudam seus amigos durante a missão;

💬 Ele é quem encontra o Bunker 9, o “armazém” secreto e de guerra do Chalé 9, que fora usado durante a guerra;

💬 Tia Callida, a babá assassina, é a deusa Hera, preparando-o para o futuro;

💬 Leo é aquele personagem que se sente incomodado ou um pouco menosprezado comparado com outros, mas que consegue apoiar os amigos e perceber que ele não é o único a se sentir assim às vezes. Ele é inteligente e criativo, o tipo certo quando você precisa sobreviver em uma situação arriscada. Alguém que encontra coragem nas adversidades.

💬 O plano de Hera consiste na troca entre dois líderes – Percy e Jason – na esperança que suas equipes não se matem quando se encontrarem e assim, se unam contra o mal maior, Gaia.

💬 Ah, sim… maravilhoso o treinador H (esqueci o nome), o sátiro/fauno que é o guardião da Pipper e do Leo, e acaba se unindo ao trio no meio da missão…Virando depois conselheiro do pai da Pipper. Tive muitas crises de riso com ele.

Enfim, esse foi o primeiro livro… E vamos ao próximo!

Bye Bye,
Até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s