Serie: Bones

Helloou!!

Depois de muito pensar em qual seria a próxima série que eu iria falar aqui, decidi por uma das minhas favoritas de todos os tempos. “Bones” foi uma das séries que acompanhei desde sua estréia até o final, e sofri horrores para dar “adeus” à ela. Também foi uma das poucas séries com tantas temporadas que não desandou pelo caminho, pelo contrário, ao meu ver, foi fiel e ainda teve criminosos que conseguiram surpreender.

Bones teve no total doze temporadas durante quase treze anos no ar, então não vou focar em temporadas X ou Y, vou dar uma visão geral dos personagens, ok?

▪ Resumo da história:
Um agente do FBI se junta a uma antropóloga genial e “seus” cientistas/ funcionários para investigar casos de assassinato em Washington.

Hodgins – Cami – Angela – Sweets – Booth – Bones

“Bones” |Dra. Temperance Brennan
É uma antropóloga forense que trabalha no renomado Instituto Jeffersonian, além de ser uma escritora de alguns best-seller criminais. Ela tem cicatrizes à respeito de sua família: seus pais desapareceram na noite de natal e seu irmão mais velho a abandonou em um orfanato.
Ela é uma empirista lógica e é muito racional. Seu brilhantismo intelectual permite-lhe fazer um trabalho inovador, mas sua falta de habilidade social fornece a maioria do humor leve da serie. Por exemplo, ela é extremamente literal, ou seja não consegue entender bem gírias, piadas e frases no sentido figurado. “Bones” é como Booth a chama (supostamente ela odeia o apelido).

Agente Especial Seeley Booth
Ao contrário dos demais personagens da série, ele tem um conhecimento limitado da ciência. Ele é bastante intuitivo, e geralmente consegue identificar as mentiras dos suspeitos, além dos motivos que eles escondem. Também é pai solteiro de um garoto chamado Parker que volta e meia aparece na série. (muitoo fofo, por sinal!) Ele é extremamente patriota e religioso (resultando altas brigas com Bones por conta disso).
Ele é um ex-sniper do exército, mas odeia matar pessoas. É viciado em tortas, gosta de usar meias e gravatas chamativas.

💬 Bones & Booth
Esses dois vivem nas implicâncias e nos flertes desde o começo da série, mas supostamente decidiram “ignorar a atração” e serem apenas parceiros de trabalho. Booth ajuda Bones a encontrar um lado mais “humano”, enquanto, Bones ajuda Booth a lidar com seus problemas pessoais, de vez em quando.
Lá para a metade da série, Booth se declara para Bones, mas as coisas não saem como planejado. E eles acabam enfrentando alguns problemas tanto na parceria quanto na amizade deles. Até por fim, engatarem num relacionamento.

Angela Montenegro
É a melhor amiga da Bones (e quem traduz as gírias e comportamentos humanos para a mesma). Ela não é uma cientista, mas é uma artista espetacular, por isso, Bones a leva para o Jeffersonian. Seu trabalho constitui em “devolver” as faces das vítimas encontradas (aquelas que são só o esqueleto), ou seja, identifica-los. Angela é um “espirito livre” que não gosta de se ver presa nem a lugares, nem a relacionamentos.

Jack Hodgins | Hodgins
A praia dele é fuçar na lama e na imundice atrás dos seus “preciosos” insetos, logo ele é um entomologista e também um especialista em esporos e minerais. Em tese, é um dos mais normais do grupo, a não ser quando surge motivos para criar suas mais loucas teorias conspiratórias.

💬 Angela & Hodgins
Pensem num casal que você acha suuper louco inicialmente, mas é completamente impossível você não shippar esses dois. Hodgins é o famoso cara que venceu por insistência e que escolhe os jeitos mais estranhos de demonstrar seu amor para Angela. Se eles juntos já era ótimo, quando o ái dela entrava em cena, aí é que a coisa tomava rumos mais loucos ainda.

Camille Saroyan | Cam
A chefe do Jeffersonian a partir da segunda temporada. Ela foi uma médica em New York e fez parte da polícia também, conhecendo a Booth desde – quase – sempre. Incialmente ela e Bones não se davam bem por divergências na maneira de pensar e executar algo, depois, viraram colegas-amigas.

Lance Sweets
Ele é um psicólogo do FBI que não é muito levado a sério por conta da idade. Entra na série na terceira temporada para ajudar Booth e Bones com a estranha relação deles que começou a afetar o trabalho. Incialmente, ele fica apenas no escritório, mas passa a se juntar ao “casal” no campo com o pretexto de estudar a dinâmica entre eles.

Zachary Uriah Addy | Zac
Ele é um geniozinho, estudante de pós-graduação e assistente da Bones. Em questão de personalidade, é quase sempre bem-intencionado, útil e amigável, quando a situação exige uma interação social ou da intuição, ele é muitas vezes confuso, sendo praticamente igual a Bones nesse sentido. Também é o melhor amigo de Hodgins, e sempre embarca nas maluquices que o outro inventa.

Após Zac se ausentar do laboratório, inicia-se (na série) a procura de um substituto para o mesmo. Daí vários outros personagens são introduzidos como candidatos, mudando sempre de acordo com o episódio (já que cada episódio é um caso diferente, é como se fosse a rotação do dia).
Cada um com uma personalidade completamente diferente, dos malucos ao extremo aos que “fingem” ser mais normais. 😂

Dr. Clark Edison – é o mais “normal” dos cientistas do Jeffersonian, vive dizendo para os outros focarem no trabalho, mas sempre está por dentro das fofocas.

Wendell Bray – é o estudante bolsista mais top da Dra, Brennan. Chega a ter um relacionamento com Angela e fica muito amigo de todos, chegando a fazer parte do time de hóquei de Booth.

Daisy Wick – é considerada a mais irritante entre os substitutos, apesar de ser dedicada no trabalho, por conta do sua personalidade, acaba dando muito estresse para os outros. Sweets é quem a ajuda se dá bem com os outros.

Colin Fisher – é uma pessoa muito depressiva e com muito humor negro.

Arastoo Vaziri – inicialmente engana todo mundo com seu suposto sotaque iraniano, além de ter alguns problemas com Brennan por conta de sua “cultura”. Vez ou outra se estranha com Hodgins pelas conspirações desse. Após um tempo, deixa a farsa de lado (o sotaque falso) e mostra que é um excelente cientista. Tem um relacionamento secreto com Cam que é descoberto por Hodgins e Angela.

Vincent Nigel-Murray – é um jovem inglês com o habito de recitar curiosidades enquanto trabalha.

Finn Abernathy – é um dos últimos internos a aparecer, e tem algumas arbitrariedades em seu passado, eles apenas sabem que ele esteve preso em um centro juvenil. Hodgins o chama de ‘Oppie’, enquanto Finn o chama de “Thurston”, por ele vir de família rica. Ele fica interessado na filha de Cam, Michelle.

Jessica Warren – estudou em casa e mesmo assim foi primeiro lugar na universidade que estudou com apenas 19 anos. Ela gosta de coisas criativas e de especular, o que bate de frente com a Dra. Brennan. Assim como Booth, ela é bastante intuitiva.

Enfim, é difícil falar pouco de uma série com doze temporadas e 246 episódios ao todo. Mas dei uma resumidinha nos personagens principais e os mais recorrentes. Ainda tem alguns personagens “importantes” que acabei deixando de fora por conta dos spoilers que eu acabaria dando.

Vale ressaltar que a maioria dos episódios, são casos diferentes, então dá pra assistir algum episódio perdido, sem de fato ter visto os anteriores. (ao menos em relação ao entendimento do caso)

Até a próxima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s