Blind (2011)

Alguns mil anos atrás, sendo fã da atriz Kim Ha Neul eu tendo sempre ver as coisas que ela faz, de drama a filmes. Na época, era bem mais difícil encontrar os filmes asiáticos (que dirá os dramas)… Eis que acabei encontrando esse filme que além de ter a atriz que eu já gostava ainda era de suspense… Então, claro que tive que conferir.

Título Original: 블라인드 / Beulraindeu
País: Coreia S
Diretor: Sang Hoon Ahn
Remakes:The Witneess (2015)” / “Blind Witness (2019)”
Gênero: suspense – crime
Stars: Kim Ha Neul, Yoo Seung Ho, Jo Hee Bong
Rating: 🖤🖤🖤🖤

Min Soo Ah tinha uma carreira promissora como policial, mas após um acidente perdeu tanto a visão quanto o irmão mais novo.

Uma investigação envolvendo uma estudante universitária desaparecida e uma vítima de atropelamento e fuga aparentam ter o envolvimento de uma única pessoa. Os detetives precisam de uma testemunha, só não contavam que essa fosse justamente Min Soo Ah.

Apesar do pequeno detalhe da falta de visão, os sentidos aguçados da mulher são capazes de fornecer importantes pistas para o caso. Porém, uma outra testemunha aparece: Kwon Ki Sub e as alegações dele são completamente opostas as da mulher com deficiência visual.

Enquanto os detetives se desdobram para descobrir quem está mais certo sobre o caso, Min Soo Ah acaba na mira do assassino e o único que pode ajuda-la é Kwon Ki Sub.

Gostei tanto desse filme que vocês não tem ideia… Na época eu nem me ligava muito quem era (ou quem seria o Seung Ho) e me surpreendi bastante com a atuação dele. A Ha Neul também dá um show de interpretação como a deficiente visual que acabou causando a morte do próprio irmão e acaba vendo no Kwon Ki um “substituto”.

Preciso dizer que fiquei super agoniada nas cenas de perseguição? Kami! Quase não me segurava na cadeira… Isso porque eu via o assassino ali na frente da coitada da Min Soo Ah, o cão guia dela pressentindo o perigo, e ela sem saber o que fazer. De roer as unhas!

Inicialmente o Kwon Ki é bem “idiotinha” só se importando com a recompensa e ignorando a Min Soo Ah até que ele descobre o que aconteceu com ela e também vê o assassino atrás dela, aí ele parte para salvá-la do perigo.

Tive peninha do cão-guia, mas gostei do laço que se formou entre as duas testemunhas.

Esse filme coreano teve dois remakes: um chinês lançado em 2015 com o Lu Han (do EXO) e a Yang Mi (que arrasa nos cdramas épicos) que foi suuper fiel ao filme original coreano. Fiel mesmo, fiquei até impressionada quando vi. O Lu Han também arrasou no papel e a Yang Mi deve ter usado o aprendizado dela, como cega no filme, pra fazer aquelas cenas de Eternal Love em 2017 😂


E o mais recente, um japonês… Que não tinha se quer conhecimento até fazer essa postagem, por isso, não cheguei a ver. 😂

Se você gosta de filmes com suspense psicológico, pode ir procurando que recomendo! 😁

🔲 Fica a dica!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s