Falling Into Your Smile (2021)

Hey ^^

E lá vem eu com mais um cdrama, sorry, mas não! hahaha Ando vendo kdramas um pouco mais tensos e meio perdida pra fazer meus pitacos no momento sobre eles. Mas trarei depois, prometo sem prometer 😉
Enfim… Seguindo a linha dos dramas com poucos episódios (tô falando dos chineses, ok?!) esse aqui fugiu da linha dos 25 e foi pra 31.. Oops! Porém foi por um bom motivo que ultrapassei ele na frente dos outros atrasados, Xu Kai. Quem viu meu post sobre “The Legends” sabe que eu simplesmente cai de amores por esse ator, e devido a isso, sempre tendo assistir tudo dele. Nesse drama, ele deixou os épicos de lado e veio ser um “adolescente” (ok, vamos ignorar esse último detalhe) nos tempos modernos.
Só vamos!

Leia mais »

Crush (2021)

Hey ^^

Trazendo um drama chinês mais “atual”, ou seja, não foi mais um dos encalhados na minha lista de espera. Esse aqui eu vinha acompanhando pelo Weifansub, mas sem assistir porque gosto de fazer maratonas. Então, assim que eles colocaram os últimos episódios na semana passada, o peguei pra surtar um pouco mais além das postagens que vi pelo instagram. hahaha

“Crush” também é uma adaptação de um novel “So I Love You Very Much | Qin He Yi Kan (衾何以堪) escrito por Mu Fu Sheng.

Leia mais »

Professional Single (2020)

Hey ^^

Diretamente saído do forno, ou melhor, da minha lista de bastante atrasados e concluídos… Mais um cdrama.
Sim, sim.. Parece que ando negligenciando os kdramas, mas na verdade os últimos que vi foram de suspense e as tramas um pouco mais complicadas de comentar aqui sem dar muitos spoilers, então, ainda estou preparando as postagens deles, ok?!
Esse aqui tinha aquela pegada mais romancezinho escola, nesse caso, universidade, repleto de clichêzinhos do jeito que a gente gosta. Então, finalmente ele foi para a lista dos “comemora que ela assistiu”. hahaha
Vamos aos comentários?!

Leia mais »

Dash & Lily

Hey ^^

Não sei nem dizer quanto tempo essa série ficou “mofando” na minha lista do netflix.. A coitada!
Lembro que eu vi sobre ela, achei que poderia ser interessante, pensei “ah, legal vou jogar na lista” e ficou lá até quase uns dias atrás. hahaha
Aquele clichêzinho suave, típico filme/série de fim de ano, só tem uma temporada mesmo, e se eu não entendi errado, também é baseada em um livro. Mas confesso que não procurei sobre, então, não posso dar certeza.

Partiu?!

Leia mais »

The Last Letter from Your Lover

Hey ^^

Quem me conhece sabe que eu sou cheia das “vibes”. Uma hora viro a louca dos psicopatas, na outra a viciada das ficções e fantasia, meus gostos para leitura variam horrores e nem vou começar a comentar sobre os de filmes ou qualquer outra coisa. Porém, nunca fui muito fã de romance, apesar de gostar quando eles tem um toque de ficção histórica (ta aí Outlander para provar isso).

Daí você fala, Ann a postagem é de filme, tá falando em livro por quê?!
Bem, esse filme é uma adaptação do livro da Jojo Moyes, que eu não li e apesar de gostar da parte da ‘ficção histórica’, provavelmente irei continuar sem ler (vamos ser realistas aqui, né?!).
Não tem nada haver com “ah você já viu o filme, então o livro perde a graça”, porque nós viciados em livros sabemos que quase 90% das vezes isso não é verdade. Mas no meu caso, ou melhor, nesse caso, essa falta de interesse no livro mesmo.
Me julguem, não ligo! E vamos aos meus comentários..

Leia mais »

The Half of It

Hey ^^

Na minha não animação para nada, acabei entregue ao Netflix e videos aleatórios no youtube. Como não dá pra sair comentando todas as coisas que vejo no yt (ou melhor, até dá.. mas me falta paciência hahaha) vamos nos ater ao que ainda consigo vir comentar, né?! hahaha
Na minha “maratona netflix”, um dos filmes que tava na minha lista e eu ainda não tinha visto era esse, segundo as propagandas do mesmo (porque não achei de fato essa informação), ele é uma adaptação de um livro, no qual estou muito interessada em ler… Favor, se alguém conhecer me manda onde encontrar!!! (pode ser em inglês mesmo).
Achei a história bem levinha e claro que fui conferir o filme, né?!

Partiu?!

Leia mais »

My Dear Guardian

Hellou!!!

Duas vezes na semana, uau! Quase um record pra quem andou anos sumida, né?! Mas não vamos comemorar, sabemos como eu sou bipolar. Voltei com um livro e agora trago um cdrama.
Confesso que fiquei curiosa pra ver esse aqui porque estavam comentando que ele seria um remake do kdrama “Descendants of the Sun“, que na época (sim, não lembro o ano) gostei bastante. Porém, acabei descobrindo que esse drama aqui é uma adaptação de um novel chinês “Round Fingers Under Military Uniforms, logo, o drama coreano seria a “cópia”?! hahaha Enfim, não sei.
Fato é que sim, ambos são extremamente parecidos, tendo aqueles “reajustes” na história que já são bem conhecidos para aqueles que já viram algum “remake” na vida.

Partiu?!

Leia mais »

O Clube do Crime das Quintas-feiras

Helloou!

Eu desapareço, surjo do nada, sumo de novo e retorno.. Tô um caso sério, né?!
Passei muito tempo sem ler ou assistir nada novo, quando retomei, não tinha muita vontade de escrever sobre, ou melhor, até tinha, mas não tinha ânimo para isso. Ando meio “fora de mim” ainda. Nem meus recém descobertos amores (os jogos) andam me animando muito. Mas enfim…

Final das férias meio que pra enganar as dores de uma cirurgia de extração dentária (oh coisinha chata!), tentei me distrair com as minhas velhas paixões.. E.. não é que acabei fazendo até uma “limpa” em alguns atrasados. Quase me senti de volta ao normal, quase.
O livro que trago hoje é um dos muitos recebidos do clube da intrínsecos que andavam na pilha dos “atrasados”, mas que finalmente consegui tirá-lo de lá.

Esqueça os jovens detetives, esqueça os quase aposentados.. Pode focar logo nos que já “passaram da idade”. Nossos protagonistas são almas jovens em corpos na casa dos 60 a 80 anos, moradores de um mesmo retiro de aposentados.

Partiu?!

Leia mais »

“The Empty Shell”

“Costumavam me chamar de oceano, se eu sou um oceano, acho que estou exatamente como quando o cara da bíblia separou os marés. De um lado, há aquele ‘eu’ do passado que só tinha uma coisa em mente durante um milhão de anos; no outro, está o ‘eu’ de agora, mais perdido que cego em tiroteio… Andando em uma corda bamba no abismo entre as Cataratas do Niágara, pendendo de um lado a outro… Um lado, mantém o pensamento de se estabilizar e continuar seguindo em frente. O outro, olha pra baixo e avalia a queda. Vai doer demais ou será instantâneo?!

Leia mais »

House Flipper

Bonan Tagon!

A pessoa começa a ver umas lives de um jogo que nem joga por conta de um amigo, e acaba viciada, não no jogo, mas na jogada de conversa fora enquanto eles tentam terminar as missões vivos. Hahahaha Desde a semana passada tô nessa.. hahahah usando eles como “trilha sonora” pros meus próprios jogos.
Mas onde eles entram no assunto? Eles não, mas o amigo que me fez assistir. Meu wobi-wan do mundo dos games, ciente da minha habilidade em decorar minhas casas no meu outro jogo, acabou me dando esse jogo aqui no Steam.
É bem diferente do que tenho as casas, mas gostei bastante dele.
Partiu saber do meu outro vicio?!

Leia mais »

Sombra e Ossos (2020-)

Bonan Tagon!

Adaptado das obras da autora Leigh Bardugo, a queridinha do momento, “Sombra e Ossos” tem uma escândalo de surtos por trás e uma fumaça ainda de falatório. Adianto logo que apesar dos livros estar na minha lista de “vou ler” há muito tempo, nunca comecei de fato. Então, não verão comparações minhas por aqui, só sobre o que achei da série mesmo, e bem resumido. Lembrando que é possível que tenha spoilers..
Pelo que entendi dos comentários que li… A série do netflix misturou a trilogia “Sombra e Ossos” com a duologia “Six of Crows” que se passa alguns anos depois da trilogia inicial. Porém, na série, eles deram um jeitinho dos personagens de ambos os “tempos” se esbarrarem de alguma forma, por pertencerem ao mesmo universo.
Enfim, partiu?!

Leia mais »

Tell Me Why

Bonan Tagon!

Eu não sou a maior jogadora do mundo, mas desde o ano passado, passei a jogar algumas coisas, tanto no pc quanto no meu tablet. Esse ano, ganhei uns joguinhos de um amigo e acabei pensando “por que não falar deles no meu blog?” Tipo, eles já se tornaram uma grande parte do meu tempo livre mesmo.. E alguns tem até uma história interessante por trás, como esse aqui, por exemplo.
Como eu disse, não sou uma especialista, então, não sei muito bem falar de games. Mas vou tentar.
Partiu?!

Leia mais »

Capitani (2019)

Bonan Tagon!

Primeiro fiquei meio doente e sem ânimo para absolutamente nada. Daí veio a semana de provas, e quem é que faz alguma coisa nessa semana, né? Porém, passou essa semana e acabei não me animando muito em ler alguma coisa ou simplesmente assistir… Mas, eis que depois de muito tempo, venho aqui para comentar sobre alguma coisa, ou melhor, sobre uma série que assisti esses dias no netflix.
Partiu?!

Leia mais »

Desalma S01

Bonan Tagon!

Um tempo atrás eu vi o trailer dessa série e mesmo sendo brasileira – sim, sou das que geralmente tem preconceito com séries nacionais, me julguem! – o gênero dela me atraiu um pouco. Infelizmente, descobri que ela era disponível apenas no Globo Play e adivinhem?! Yep, eu não tinha o streaming e muito menos conhecia alguém que tivesse. Poderia ter procurado de outra forma? Poderia, mas estou evitando o trabalho, e logo, deixei de lado.
Eis que acabei conseguindo um acesso ao streaming nacional e corri pra vê-la. E tenho que confessar, não é que me surpreendeu.

País: Brasil
Ano: 2020 (S01)
Temporadas .:. Nº de Eps: 1 | 10 eps
Gênero: drama + investigação +mistério
Onde Assistir: Globo Play
Cast Protagonista: Cássia Kis (Haia Lachovitz) | Cláudia Abreu & Valentina Ghiorzi (Ignes Skavronski Burko) | Maria Ribeiro (Giovana Skavronski) | Ismael Caneppele (Boris Burko) | Eduardo Borelli (Roman Skavronski) | Anna Melo (Haylina Lachovitz) | Camila Botelho (Melissa Skavronski) | Nathália Falcão (Iryna Burko) | Giovanni de Lorenzi (Maksym Burko) | João Pedro Azevedo (Anatolli Skavronski Burko)

Leia mais »

Young Wallander (2020)

Bonan Tagon!

Sim, andei sumindo por uns tempos e peço desculpas.. Mas acabei doente, com sintomas do covid e nenhum pouco animada pra me mover da cama, logo, sem chances de vir no blog escrever alguma postagem. Não que tivesse sobre o que falar pra começo de conversa, a falta de animo não me deixou muita animada pra nada além de dormir.
Mas eis que a boa e velha netflix me “recomendou” essa série aqui, e por ser investigativa, eu disse “Ok, vamos nessa!” (fora a quantidade pequena de episódios, muito atrativo!!)

País: UK (*não sei o país*)
Ano: 2020 (S01)
Temporadas .:. Nº de Eps: 1 | 06 eps
Gênero: suspense + investigação +drama
Onde Assistir: Netflix
Cast Protagonista:  Adam Pålsson (Kurt Wallander) | Richard Dillane (Hemberg) | Ellise Chappell (Mona) | Yasen Atour (Reza Al-Rahman), Leanne Best (Frida Rask) | Jordan Adene (Ibra)

Leia mais »

Raya and the Last Dragon

Bonan Tagon!

A viciada em animações ataca novamente.. Surtei quando vi esse trailer?! Surtei, claro que sim! Quase chorei quando vi que precisava pagar a mais no Disney+ pra poder ver?! Claro que sim! Vou reclamar porque o meu surtou e ficou de graça?! Claro que não! Porque eu ameeeeeeeeeeeeei. Pois então, rolou um babado MEGA estranho no meu plus e esse filme que não tá liberado – mesmo que você tenha a assinatura (o que eu acho um absurdo por sinal…) – resolveu funcionar apertando o play. Para a enorme alegria minha e da minha irmã (que obviamente usa o meu plus ¬¬).

Título no Brasil: Raya e o Último Dragão
Ano: 2021
Diretor: Don Hall, Carlos López Estrada
Roteiristas: Qui Nguyen, Adele Lim 
Gênero: animação + fantasia +ação + aventura
Onde Assistir: Disney+ | Cinemas
Cast Protagonista: Kelly Marie Tran (Raya) | Awkwafina (Sisu) | Gemma Chan (Namaari) | Izaac Wang (Boung) | Daniel Dae Kim (Bemnja) | Benedict Wong (Tong)

Leia mais »

Como se diz “adeus”?!

“Não falo muito sobre minha vida passada, não falo sobre de onde vim, sou imortal e já vivi muito tempo, às vezes chego a esquecer que não pertenço ao mundo dos mortais. Esqueço que para eles, minha história não passa de folclores locais, mitologias e traços fantasiosos de um povo que já nem mais existe. O problema de ser imortal em um mundo de mortais, é que às vezes precisamos dizer ‘adeus’. E nem sempre, o adeus vem fácil… Há aqueles que dilaceram a sua alma e faz você querer trocar de lugar com que se vai.

Nuca fui alguém que aprendeu a dizer ‘adeus’, nunca precisei… Enquanto para os outros, as pessoas partem para sempre, por conta de quem sou filha, eu sempre os vejo novamente, mesmo que por uma fração de segundos. Ainda assim, há aqueles que ficam no underground por mais tempo. E por mais que devessem ir, continuo a vê-los. Sempre foi assim, por isso, nunca aprendi a dizer um adeus definitivo. Pessoas, mortais, próximos a mim… Eles ou alguém, me avisam, me deixam saber quando a hora chega. Sempre achei uma coisa meio inútil, saber e não poder fazer absolutamente nada para impedir. O sentimento de impotência é angustiante.

Leia mais »

Spectros (2020)

Bonan Tagon!

Cá estou eu de volta trazendo uma série perdida no netflix e que você provavelmente NUNCA, mas NUNCA, ouviu falar..
Até porque nem eu mesma sabia que raios de série era essa, até o fatídico dia em que esbarrei com ela…
Pra começo de conversa, a série é brasileira, e eu nem sonhava com isso. hahahah Sim, pessoas eu nem tinha visto o poster..
Tudo que eu vi foi “fantasmas”, “fantasia”, “terror”, “serie curta”.. E pensei: “Partiu!”

País: Brasil
Ano: 2020 (S01)
Temporadas .:. Nº de Eps: 1 | 07 eps
Gênero: fantasia + sobrenatural +“terror”
Onde Assistir: Netflix
Cast Protagonista: Cláudia Okuno (Mila) | Danilo Mesquita (Pardal) | Mariana Sena (Carla) | Enzo Barone (Leo) | Pedro Carvalho (Zeca) | Miwa Yanagizawa (Zenóbia) | Daniel Rocha (Ricardo)

Leia mais »

Sangrando…

É engraçado como sempre acabo fazendo o contrário daquilo que prometo a mim mesma não fazer novamente. Sou como um viciado preso num ciclo infinito de dor. Prometo não me meter com pessoas de certa maneira, e passa um tempo, lá estou novamente… Dizem que sou um oceano, intenso e incontrolável, que parece calmo na superfície, mas que por baixo, pode estar até mesmo em guerra. Meu oceano não cabe em qualquer lugar, mas quando encontra uma praia que deseja sua presença, não consigo ignorar, e talvez, talvez, esse seja meu erro. Achar que àquelas praias realmente desejem o “oceano” especifico, no lugar de qualquer outro.

Uma única vez, por uma única vez… Em meio a solidão de um caos estabelecido no mundo, encontrei alguém que queria especificadamente a mim… Alguém que não procurava, mas encontrou, alguém que se deu tanto quanto me dei. Alguém que soube dar valor e realmente entendeu o significado de reciprocidade. Infelizmente nada nesse mundo eterno, a não ser eu mesma, e assim como veio, se foi… Àqueles tempos calmos, de sorrisos tímidos e palavras confiantes. Àqueles momentos que o tempo poderia parar e tudo poderia congelar, e para mim, não faria a menor diferença...

Leia mais »

Diablero S01-S02

Bonan Tagon!

E finalmente eu terminei de ver essa série, comecei ainda em janeiro quando estava viajando, mas como voltei pra casa, onde tenho mais distrações, acabei não continuando e esquecendo-me dela no auê. Nenhuma novidade para aqueles que me conhecem, né?! Ao invés de fazer um resumão juntando as duas temporadas disponíveis no netflix, vou separá-las no post, ok?!
“Diablero” foi a primeira série produzida no México pela Netflix e é também, baseada em um livro do escritor “Francisco Haghenbeck” chamado “El Diablo me obrigó“.

Título Original: Diablero
País: México
Ano: 2018 (S01) | 2020 (S02)
Temporadas .:. Nº de Eps: 2 | 14 eps
Gênero: livro fantasia + aventura + família + “terror”
Onde Assistir: Netflix
Cast Protagonista: Christopher Von Uckermann (Pe. Ramiro Ventura) | Horacio Garcia Rojas (Elvis Infante) | Fátima Molina (Keta) | Gisselle Kuri (Nancy) | Humberto Busto (El Indio) | Flavio Medina (Cardeal Morelo)

Leia mais »